O Ponto de Encontro - Banner
Home Lugares Radar de Cabo Verde (pagina in italiano)
Por Alberto e Anna - Tradução Sônia Pereira - vota Vote o melhor do Ponto!

Artigos anteriores...

Novos escravos e novos rebeldes

Cabo Verde, Setembro 2008

Este não é um artigo sobre turismo sexual no terceiro mundo e, sobretudo, não tem nenhuma conotação moralista nem sociológica. Pretende apenas examinar a situação de um País transtornado pelo contato com o mundo externo ao ponto de perder, em qualquer ilha, as suas características de organização social e ética.

Sabe-se que em Cabo Verde, junto aos turistas comuns, aqueles a procura de sol e mar para divertirem-se, chegam sempre mais pessoas a procura de uma companhia ocasional com a qual desafogar o apetite sexual que parece ser difícil na Pátria.

Junto aos poucos pedófilos, aos velhos babões a procura de rapazinhos e mocinhas e que procuram aventura de um momento, existe cada vez mais uma nova categoria; aqueles que se enamoram de um Caboverdiano ou Caboverdiana e que pensam de instaurar com o partner uma relação duradoura.Quase sempre (mas não sempre) o branco é mais rico e mais velho. Quase sempre o Crioulo é extremamente pobre, porém jovem, muito jovem. A relação, com freqüência, envolve dinheiro e muito raramente envolve sentimento.

Nunca há uma atenta e ponderada avaliação dos costumes e das culturas recíprocas. Nunca a decisão sentimental é precedida de uma permanência no País que possa levar a compreendê-lo. “São apenas muito pobres, mas... são verdadeiramente belos... quase quase me compro um...” Depois torna-se difícil descartar-lhes.

É improponível a qualquer um que tenha conhecido o conforto do dinheiro cair novamente na mais negra miséria. O novo escravo aceita mal ou não aceita ser colocado a parte e retornar a fazer parte da massa de miseráveis sem futuro...

Quando escutares a notícia de que em Cabo Verde um Branco foi assassinado ou ferido pelo seu companheiro, não te deixes levar pela aparência. Lembra-te destas breves considerações. Com freqüência a verdadeira vítima está do outro lado.

 

A&A (mail: bbalberto@cvfaidate.com)

 

Arquivo dos artigos anteriores: 2004/5, 2006, 2007 , 2008

Voltar à página principal (em português) | Tornare alla pagina principale (in italiano)
Para sugerir um site | Per suggerire un sito
Falemos | Forum